bwin

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
OPERAÇÃO CÍRIO 2022

Segup destaca 12 mil agentes de segurança para as romarias

Agentes das Polícias Militar, Civil e Científica, Corpo de Bombeiro Militar, Departamento de Trânsito do Estado, Secretaria de Administração Penitenciária, Grupamentos Aereo e Fluvial participarão das ações integradas

Por Roberta Meireles (SEGUP)
05/10/2022 18h30

A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) apresentou em coletiva de imprensa nesta quarta-feira (05), o planejamento de ações que serão realizadas de forma integrada durante a ”Operação Círio 2022”, a fim de garantir a segurança e a tranquilidade de romeiros e turistas durante a quadra nazarena. 

A festividade, que está em sua 230ª edição, reúne mais de dois milhões de pessoas e terá 17 ações coordenadas pela Segup, dentre elas, as 13 romarias oficiais e três eventos relacionados ao período da festividade, como: Arrastão do Pavulagem, Auto do Círio e Festa da Chiquita; além do apoio à Diretoria na “Caminhada dos Romeiros”, esta que já iniciou desde a última segunda-feira (03). 

"Os agentes de segurança já estão atuando em ações de apoio aos romeiros que chegam em caminhada e permanecerão até o dia 24 deste mês, porém obviamente no final de semana das principais procissões, que é um período com maior número de pessoas nas ruas, estaremos com o efetivo maior e com ações estratégicas. Vamos estar no Centro Integrado de Comando e Controle monitorando todas as ações, assim como o CICC Móvel, que ficará na Avenida Nazaré, próximo ao largo do redondo, que é a nossa inovação este ano. O nosso objetivo é cobrir todas as ações e garantir a segurança, desde os romeiros que vem caminhado, ou no fluvial, moto romaria, para que possamos ter a garantia da tranquilidade de todos", afirmou o Secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado. 

Efetivo- Mais de 12 mil agentes das forças de segurança pública estadual, além dos órgãos parceiros, estarão empregados nas ações, que vem sendo planejadas há alguns meses antecedentes à programação. Também serão empregadas mais de 1.500 viaturas, 04 lanchas e 01 aeronave. 

Segundo o Comandante-geral da Polícia Militar, Cel PM Dilson Júnior, a PMPA está preparada para oferecer todo o suporte necessário a população. "Sabemos que esse ano é uma demanda muito maior, afinal há dois anos a programação não ocorreu da maneira como estamos acostumados, então a gente tá preparado pra esse aumento do fluxo de romeiros. Nós temos duas principais vias: a BR-316, com várias caravanas que vem de municípios como Castanhal, Santa Izabel, e até de municípios mais distantes que utilizam a BR-316, por isso temos todos os Batalhões da região de Castanhal, Santa Izabel, Benevides, Marituba, o corredor aqui da região metropolitana, até na Almirante Barroso e a Avenida Nazaré. A  gente sempre usa o pessoal de folga para aumentar o efetivo presente sem que a gente tenha prejuízo nas cidades e na Região Metropolitana", disse o comandante da PMPA. 

Monitoramento- A partir de 7h da próxima sexta-feira (07), será ativado o Centro Integrado de Comando e Controle Estadual (CICC), na AV. Almirante Barroso, 735, em Belém, onde estarão reunidos representantes de todos os órgãos do Sistema de Segurança Pública Estadual, além de órgãos parceiros, para o monitoramento das ações planejadas e o acompanhamento das movimentações nas vias e romarias em tempo real.

CICC Móvel - Uma das novidades da Operação Círio 2022 é a instalação do Centro Integrado de Comando e Controle Móvel, que ficará no largo do redondo, na avenida Nazaré esquina com a travessa Quintino Bocaiuva, no bairro de Nazaré, em Belém.

"É importante reforçarmos que o CICC móvel irá funcionar assim como o CICC fixo, só que num ambiente dentro do cenário da operação, já que estará instalado em um perímetro do percurso. No local, os órgãos estarão também representados com toda a estrutura necessária, assim como com câmeras de segurança e monitoramento que cobre todo esse circuito, além da presença das forças policiais, o ponto de apoio das forças de segurança, então tudo isso de forma integrada irá funcionar nesse período para que possamos dar o suporte aos policiais que irão trabalhar, mas pra que a população também tenha um ponto de referência de segurança pública durante esse percurso", afirmou o titular da Segup. 

O equipamento integra o percurso das maiores procissões da festividade, como moto romaria, trasladação e Círio. O trajeto da festividade terá mais de 70 câmeras de segurança de videomonitoramento, sob o monitoramento dos órgãos do sistema de segurança e agências parceiras. Este acompanhamento em tempo real garante celeridade numa eventual necessidade de tomada de decisão frente a intercorrências.

Pontos de extração - Outra novidade são os pontos extração, que serão instalados nos Portos onde os barcos poderão atracar diante de qualquer incidente no trajeto do Cirio fluvial, onde estarão ambulâncias para suporte e atendimento.

Pórtico Moto Romaria - A Segup realizará a instalação de um ponto na Avenida Doca de Souza Franco, esquina da Av. Marechal Hermes, onde toda e qualquer motocicleta que tiver participando da moto romaria terá que passar pelo circuito, no qual será feita uma fiscalização seja pelas condições de trafegabilidade, os itens de segurança, documentação, e se não estiver cumprindo toda o protocolo de segurança, o motociclista não poderá passar da escadinha de segurança. 

Pontos de bloqueio

No percurso das procissões, serão interditados 55 cruzamentos desde às 6h do sábado (08), com o objetivo de garantir a segurança e o livre acesso das pessoas que participarão das romarias. Confira aqui os pontos de bloqueio da moto romaria e também da Trasladação e da grande procissão do Círio.

Pontos fixos de apoio

Serão instalados 20 pontos de observação no percurso das romarias, moto romaria, trasladação e Círio, de onde será também observada toda a movimentação e, diante de qualquer emergência, a população poderá ter acesso a agentes de segurança. 

Ocorrências

A Polícia Civil reforçará o efetivo em unidade policiais para garantir o atendimento à população diante da necessidade do registro de ocorrências. "A partir de quinta-feira, e certamente que no sábado e domingo teremos um reforço extra nas Delegacias dos bairros da Cremação, São Brás, Sacramenta, Comércio e Icoaraci, garantindo o melhor atendimento a todos. Além dessas unidades que estarão atendendo as demandas, nós estaremos com equipes da Polícia Especializada por meio da Divisão de Polícia Administrativa, que estará fiscalizando poluição sonora e estabelecimentos comerciais que estiverem funcionando nesse período, além da Delegacia de Polícia Fluvial, para que tudo ocorra dentro da normalidade", enfatizou o Delegado-Geral Walter Resende. 

A operação reunirá agentes das Polícias Militar, Civil e Científica, Corpo de Bombeiro Militar, Departamento de Trânsito do Estado, Secretaria de Administração Penitenciária, Grupamentos Aereo e Fluvial, além de Órgãos Municipais e Federais, com ações integradas e específicas de cada órgão.

bwin Mapa do site