bwin

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
SEGURANÇA

Agentes da Polícia Militar são capacitados para a utilização das câmeras corporais 

Por Walena Lopes (SEGUP)
21/09/2023 15h36

Agentes da Polícia Militar do Pará iniciaram, na manhã desta quinta-feira (21), uma capacitação voltada para a utilização das câmeras corporais (Body cam) adquiridas pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), a fim de  auxiliar e fortalecer as ações de segurança desenvolvidas durante as rondas e abordagens policiais realizadas, diariamente, pelos agentes públicos. 

Mais de 600 policiais militares estão participando da capacitação que está sendo realizada no 2º Batalhão da Polícia Militar (2ºBPM). As aulas finalizam na próxima sexta-feira, 29.

O secretário de segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado, destaca a importância dessa capacitação para a realização, gradativa, da utilização das câmeras corporais, nas ações desenvolvidas pelos agentes durante as abordagens policiais.

“Estamos iniciando essa capacitação para os agentes da Polícia Militar, para que assim, eles possam conhecer melhor o equipamento e utilizá-lo durante as ações policiais desenvolvidas pela corporação. Com elas não só ampliamos a transparência da atividade policial, mas também garantimos aos nossos agentes, a legalidade das ações do Estado. É muito importante poder fortalecer os mecanismos de atuação da polícia, para que assim, possamos garantir a eles a melhor forma de exercer a sua missão nas ruas tendo a comprovação dos seus atos”, ressaltou o titular da Segup. 

No curso, os agentes estão sendo orientados quanto ao uso do equipamento, como a exemplo, a utilização, carregamento, especificações técnicas, e sobretudo, quanto à operacionalidade delas durante as ações policiais, como pontua Leonardo Alves,  Supervisor Técnico e ministrante da capacitação.

“Foram disponibilizadas algumas câmeras corporais para que os agentes pudessem manuseá-las durante o curso, para que possam aprender sobre sua funcionalidade, como o uso do botão intencional, a verificação dos vídeos e, ainda, como identificar os vídeos de acordo com a contravenção penal verificada durante a abordagem, a exemplo de uma abordagem quanto ao crime de alcoolemia, onde o próprio policial pode marcar o vídeo com essa identificação, auxiliando para que posteriormente ele possa ser utilizado ou solicitado pela justiça”, falou o ministrante da capacitação.

Para o Sargento Antônio Cardoso, que atua no Batalhão de Turismo, o uso das câmeras corporais será de grande utilidade, especialmente, nas situações onde é necessário apresentação do preso junto à delegacia. “As câmeras irão nos ajudar, especialmente, durante os depoimentos feitos junto à delegacia, nos servindo de respaldo para as nossa ações e também nas audiências servindo como provas mais concretas quanto aos fatos envolvidos”, disse o sargento.

Evento Teste - As câmeras corporais utilizadas pelos policiais militares já serão utilizadas durante o próximo jogo do Paysandu, pela série C, que será realizado no dia 01 de outubro, no Mangueirão, e ainda, nas ações de segurança desenvolvidas para o Círio 2023, como ressalta o subcomandante do 2º Batalhão da Polícia Militar, o tenente coronel, Marcelo Mangas.

“O objetivo desse curso é fazer com que eles aprendam a manusear as câmeras corporais, que é uma realidade que nós vamos adotar, inclusive, iniciar os testes a partir do dia 1º de outubro com o jogo do Paysandu pela série C, e posteriormente no Círio de Nazaré. A partir disso, nós vamos começar a operacionalizar as câmeras na rotina do nosso policiamento. O equipamento será muito úteis para todos, pois todas as ações do policial militar serão registradas, e consequente tantos os agentes quanto a sociedade em geral serão beneficiados com essa aquisição”, falou o subcomandante. 

Pioneirismo- O Pará é um dos pioneiros no uso das câmeras corporais, inclusive com um processo de licitação sendo finalizado para a aquisição de mais de 3 mil novas câmeras para uso das forças de segurança, destacando-se entre os sete estados do Brasil que já utilizam as câmeras corporais (Body cam) nas ações de segurança, de acordo com o levantamento divulgado pelo monitor da violência do portal do G1.

bwin Mapa do site