bwin

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
SEGURANÇA PÚBLICA

Policiamento ostensivo para partida entre Paysandu e Amazonas conta com câmeras corporais

Por Walena Lopes (SEGUP)
01/10/2023 19h42

A partida da série C do campeonato brasileiro entre os times do Paysandu e Amazonas, realizada na tarde deste domingo, 1, no estádio do Mangueirão em Belém, contou com 30 câmeras corporais (body cam), que foram utilizadas no policiamento ostensivo feito por agentes da Polícia Militar do Pará. Este foi o primeiro evento teste com o uso das câmeras por agentes de segurança antes das procissões do Círio de Nazaré.

As câmeras corporais adquiridas pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) tem como finalidade auxiliar e fortalecer as ações de segurança desenvolvidas durante as rondas e abordagens policiais realizadas, diariamente, pelos agentes públicos. 

“Esse é o primeiro evento teste, antes da implementação oficial que será feita para atender, posteriormente, às demandas das procissões que envolvem a festividade de Nazaré”, destacou o secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado que explica também a funcionalidade e importância do equipamento para as ações de segurança.

“As câmeras reforçam as ações de segurança desenvolvidas, sobretudo, garantindo maior transparência e legalidade, durante as atividades policiais executadas pelos agentes da Polícia Militar.  As imagens captadas poderão ser utilizadas em todos os procedimentos realizados pelos agentes, nas ações, operações, e ainda, nas apresentações feitas na delegacia dando, cada vez mais, credibilidade aos atos feitos pelos policiais”, ressaltou o secretário. 

As câmeras corporais estão sendo utilizadas por 30 agentes da Polícia Militar que atuaram no esquema de segurança montado para o jogo, e distribuídas nas modalidade policiais de; policiamento ostensivo, moto patrulhamento ( viaturas de 2 rodas) e rádio patrulhamento (viatura de 4 rodas). As imagens captadas foram repassadas, em tempo real, para o Centro Integrado de Operações da Segup - Ciop. 

Responsável pela capacitação dos agentes para a operacionalidade das câmeras, o comandante de Policiamento da Capital I, coronel PM, Getúlio Rocha destaca o uso do equipamento para os policiais em ação.

“Nesse primeiro momento, nós capacitamos 614 policiais militares para a operacionalidade das câmeras. Primeiramente elas estão sendo utilizadas nesse evento teste de hoje, com a partida entre o Paysandu e Amazonas, onde estão empregadas 30 câmeras corporais. Esse equipamento somará forças as nossas ações, especialmente, resguardando as atividades policiais e nos ajudando na transparência e ações legais durante as abordagens que executamos, não somente em grandes eventos, mas no dia a dia do policial nas tuas”, disse o coronel Getúlio Tocha.

Esquema de segurança - Para a partida entre Paysandu e Amazonas, completando a série de jogos do Campeonato Brasileiro, estão sendo empregados mais de 400 agentes de segurança envolvidos, desde o policiamento ostensivo, atendimento e registro de ocorrências, vídeomonitoramento, fiscalização dos espaços e  controle do fluxo de trânsito das principais vias de acesso dentro e no entorno do estádio do Mangueirão. 

Participam das ações agentes das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap)  e Departamento de Trânsito do Estado (DETRAN).

bwin Mapa do site