bwin

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
SEGURANÇA PÚBLICA

Polícia Civil prende suspeito de furto de veículos de luxo, em Belém

Operação “Alto Luxo” cumpriu mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão, expedidos pela 1ª Vara de Inquéritos Policiais de Belém

Por Jeniffer Terra (CGE)
10/10/2023 16h31

O suspeito foi preso em uma loja, em BelémA Polícia Civil do Pará, por meio da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DRFRVA), ligada à Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), deflagrou a Operação “Alto Luxo”, na segunda-feira (09), para cumprir mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão contra um homem investigado por furto qualificado com uso de chave falsa.

Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara de Inquéritos Policiais de Belém, após manifestação favorável do Ministério Público. Os mandados foram cumpridos na residência do suspeito, no município de Ananindeua (Região Metropolitana de Belém), em uma loja no bairro da Pedreira. Durante a ação, o suspeito apresentou documento falso, e também recebeu voz de prisão em flagrante pelo crime de falsidade ideológica.

As investigações iniciais visavam desvendar crimes ocorridos desde junho deste ano. Foram registrados sete furtos de caminhonetes, e já foi possível responsabilizar o investigado pelo furto de dois veículos na Região Metropolitana de Belém.

“Na residência do suspeito nós conseguimos apreender diversas chaves de veículos, joias e malas, que provavelmente são de propriedade da vítima que teve uma Hilux furtada por ele, próximo ao estádio do Mangueirão, após uma partida de futebol, no dia 17 de setembro deste ano. O carro utilizado para a realização dos furtos também foi apreendido”, informou o delegado Juliano Corrêa, titular da DRFRVA.Veículos apreendidos durante a operação

Desmanche - Já na loja onde ocorreu a prisão, com a qual o investigado tem vínculo, foram apreendidas peças de caminhonete, oriundas de um furto registrado no dia 26 de setembro deste ano. O veículo foi dividido em diversas partes, sem os sinais identificadores, indicando o desmanche no local. Um veículo com indícios de adulteração também foi apreendido no estabelecimento, e será encaminhado para perícia.

“As equipes da Polícia Civil do Pará estão empenhadas e capacitadas para investigar e elucidar qualquer tipo de crime. Para isso, usamos a tecnologia necessária e a inteligência dos nossos agentes”, informou o delegado-geral da Polícia Civil, Walter Resende.

As chaves utilizadas pelos envolvidos no crime, além de darem acesso aos veículos, acionam a ignição sem o acionamento do alarme.

Todos os materiais apreendidos foram encaminhados à delegacia para os procedimentos de praxe. As investigações continuam para identificar os demais autores dos furtos e os receptadores, tanto dos veículos quanto das peças.

bwin Mapa do site