bwin

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
EVENTO EM ABRIL

Sepi promove reunião de articulação e planejamento da Semana dos Povos Indígenas no Pará

O evento objetiva dar visibilidade aos povos indígenas por meio de ações coordenadas por diferentes órgãos estaduais

Por Nicole Furtado (SEPI)
23/01/2024 12h21

O Governo do Pará, por meio da Secretaria dos Povos Indígenas (Sepi), está desenvolvendo um evento voltado para a Semana dos Povos Indígenas, que ocorrerá em abril, mês em que se celebra o Dia dos Povos Indígenas. A reunião de alinhamento e planejamento do evento contou com a participação de representantes de diversos órgãos estaduais para dialogar sobre ações voltadas para a promoção da cultura e do bem-estar indígena no Estado do Pará. 

Para a titular da Secretaria de Estado dos Povos Indígenas (Sepi), Puyr Tembé, a presença de diversos representantes do Governo Estadual representa um compromisso coletivo do Estado na valorização dos Povos Indígenas do Pará. “A presença desses representantes evidencia a necessidade de uma abordagem integrada para enfrentar os desafios vivenciados pelos povos indígenas, desde a preservação de seus territórios até o reconhecimento de seus direitos fundamentais e sua cultura”, afirma.

Dentro de suas esferas de atuação, cada órgão realizou a sugestão de atividades fundamentais para a Semana dos Povos Indígenas. Algumas das ações apresentadas envolvem a criação de oficinas de qualificação sobre serviços ambientais; mostra de cinema com apresentação de produções indígena, exposições de artes e feiras criativas; Qualificação interna voltada à ampliação do debate e combate ao racismo institucional; Promoção de ações cidadania.

Para a secretária de Estado de Cultura, Úrsula Vidal, a realização da Semana dos Povos Indígenas contribui para um futuro promissor. “Essa ação com certeza poderá ser desdobrada em outras ações ao longo do ano, que serão voltadas principalmente para aspectos culturais, de saúde, de assistência e de fortalecimento da cidadania dos povos indígenas”, destaca.

“É muito importante o papel que a Sepi tem exercido, principalmente nesse momento em que a COP 30 se aproxima. Nós sabemos que a relevância da fala, da articulação e da liderança dos povos indígenas é fundamental para que nós tenhamos uma Amazônia com respeito e com sintonia, tendo em vista as lições que os povos vêm nos ensinando ao longo dos séculos. E agora chegou o nosso momento de escutar, aprender e viabilizar cada vez mais a voz dos povos indígenas”, complementa Úrsula Vidal.

Durante a reunião, ressaltou-se também a proposta de expandir a realização do evento para diversos municípios do Estado do Pará, abrangendo localidades como Belém, Altamira, Marabá e Santarém. Essa iniciativa busca diversificar as atividades, permitindo que comunidades em diferentes regiões participem ativamente da Semana dos Povos Indígenas. Tal iniciativa possibilita ampliar o alcance e a representatividade do evento, fortalecendo a conexão entre as populações indígenas e a sociedade em geral.

Dessa forma, a Semana dos Povos Indígenas vem como uma iniciativa da Sepi para difundir a diversidade cultural, o reconhecimento dos direitos indígenas e a construção de uma sociedade mais justa e inclusiva, especialmente no Estado do Pará, que conta com uma significativa presença de populações indígenas.

“Estou otimista quanto aos próximos passos e ansiosa por uma Semana dos Povos Indígenas repleta de eventos que não apenas celebrem, mas também promovam uma compreensão mais profunda da riqueza cultural e das contribuições significativas dos povos indígenas para a identidade do Pará”, destaca Puyr Tembé.

Estiveram presentes na reunião os órgãos: Secretaria de Estado de Cultura (Secult); Secretaria de Estado de Educação (Seduc); Secretaria de Estado da Saúde (Sespa); Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas); Secretaria de Estado de Justiça (Seju); Secretaria de Estado de Turismo (Setur); Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup); Secretaria de Estado das Mulheres (Semu); Secretaria de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster); Secretaria de Igualdade Racial e Direitos Humanos (Seirdh); Secretaria Estratégica de Articulação da Cidadania (Seac); Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuária e da Pesca (Sedap); Secretaria de Comunicação (Secom); Secretaria da Fazenda (Sefa); Secretaria de Agricultura Familar (Seaf); Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA); Universidade do Estado do Pará (Uepa); Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater); Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas (Fapespa); Fundação Hospital de Clínicas Gaspar Vianna (FHCGV); Polícia Civil (PCPA); Fundação Cultural do Pará (FCP); Companhia de Habitação do Estado do Pará (COHAB); Instituto de Terras do Pará (Iterpa); Fundação Paraense de Radiodifusão (Funtelpa); Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai); Procuradoria-Geral do Estado (PGE/PA); Alto-comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR); Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD); Tribunal Regional Eleitoral (TRE/PA); Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio). 

bwin Mapa do site